05.24
Українці Португалії
РеєстраціяВхід
Вітаю Вас, Гість · RSS
 
Меню
 
Категорії
História [19]
Um trabalho [1]
Увага! Ми не несем жодної відповідальності за достовірність інформації, ми розміщуєм інформацію про роботу надіслану нашими португальськими читачами.
Informação [54]
 
Форма входу
 
Пошук
 
Партнери
    znimky.net tamada.lviv.ua Українська Правда Ансамбль Джерельце Українці Угорщини TopUA: Український хостинг Пластовий Портал - твоя віртуальна домівка Майдан Українські традиції Спілкуйся Українською Арт-Вертеп

     

         
        Статистика

        В онлайн всього: 1
        Гостей: 1
        Користувачів: 0
        Каталог статей
        На початок » Статті » Рara os falante de portugês » Informação

        “Vela Inapagável” é proibida na Rússia
        14.10.2008
        A acção internacional “Vela Inapagável”, uma iniciativa do Congresso Mundial Ucraniano (SKU), apoiada pelo Presidente da Ucrânia Viktor Yushchenko, que consiste em assinalar o 75º aniversário do genocídio ucraniano – Holodomorde 1932 – 33, foi oficialmente proibida na Rússia.

        No dia 6 de Outubro, nas vésperas das comemorações do 75º aniversário do Holodomor na Rússia (as acções semelhantes já tiveram ou terão lugar em 29 países do mundo), o Ministério dos Negócios Estrangeiros da Federação Russa emitiu uma nota exigindo o cancelamento total das comemorações ou a sua condução “seguido as orientações da Federação Russa”. 

        Dessa maneira, as comunidades ucranianas da Rússia foram obrigadas a conduzir todas as actividades ligadas às comemorações do Holodomor, dentro do recinto da Embaixada e Consulados da Ucrânia no território russo. 

        As comunidades ucranianas e os seus líderes foram pressionados ilegalmente pelo poder russo para não participarem nas comemorações do Holodomor, para o efeito as autoridades russas usam as ameaças e a coerção de vários tipos. 

        Em consequência, as comunidades ucranianas das cidades de Orenburg, Tyumen, Ufa, São – Petersburgo, Krasnodar já disseram que não conseguem resistir a coerção das autoridades e são obrigados de abster-se da participação nas cerimónias alusivas ao Holodomor. 

        Parece que só em Moscovo, no recinto da Embaixada da Ucrânia, se consegui reunir a comunidade ucraniana para lembrar os milhões de ucranianos, que morreram da fome artificial, planeada, orquestrada e executada pelo Kremlin. 

        Lembramos que a acção “Vela Inapagável” já passou pela Argentina, Austrália, Brasil, Nova Zelândia, Portugal, mais recentemente pela Grécia, Moldova e Roménia, nos dias 11 – 13 de Outubro deveria passar pela Rússia e ainda passará pelo Kasaquistão, Arménia, Geórgia e terminará na capital ucraniana – cidade de Kyiv. 

        Nenhum outro país do mundo proibiu aos seus cidadãos e aos ucranianos da Diáspora de se manifestar livremente, recordando a maior catástrofe nacional da Ucrânia. Apenas a Rússia está privar os seus próprios cidadãos do direito de se manifestar livremente ou ter a participação activa nos assuntos da comunidade. 

        Não se consegue imaginar uma Alemanha a proibir aos seus cidadãos de participar nas comemorações do Holocausto judaico, ou o Portugal a proibir aos angolanos ou moçambicanos de comemorar a independência dos respectivos países. 

        E embora somos contra a lógica de “olho por olho”, mas será que chegou o tempo, quando o Estado ucraniano deverá desencadear uma operação afirmativa de “limpeza” e verificação à “pente – fino” de todas as organizações e grupelhos pró – russos existentes na Ucrânia? Achamos que, se calhar, não seria, de tudo, uma má ideia... 

        Publicado:

        http://ucrania-mozambique.blogspot.com/2008/10/vela-inapagvel-proibida-na-rssia.html

        Категорія: Informação | Добавив: ukremigrantpt (14/10/08)
        Переглядів: 1441 | Рейтинг: 0.0/0 |
        Всього коментарів: 0
        Добавляти коментарі дозволяється тільки для зареєстрованих користувачів.
        [ Реєстрація | Вхід ]

        Використання матеріалів дозволяється за умови посилання на "Українці Португалії"
        Copyright © "Українці Португалії". м. Лісабон 2007р.
        Спілка Українців в Португалії